Alimentos que causam problemas no coração

Outras pessoas estão vendo:

Atualizado: 26/05/2017

O coração é um órgão vital para o corpo humano. É considerado o motor que torna possível o funcionamento de nosso organismo. Neste artigo sobre os Alimentos que causam problemas no coração, você verá os sintomas e poderá iniciar uma mudança em seu estilo de vida, podendo escolher melhor os alimentos que irá consumir para seu próprio benefício.

Por isso existem muitas razões para cuidar da saúde do coração.

Fazer exercícios, evitar o cigarro e seguir uma alimentação saudável, pode trazer uma qualidade melhor de vida, disposição saúde e energia.

Abaixo apresentamos alguns alimentos que fazem mal ao coração e que devem ser evitados, pois contêm muitas calorias, sal e gorduras que bloqueiam os vasos sanguíneos e por isso, põem em risco o funcionamento do sistema cardíaco.

problemas no coraçãoSintomas de problemas no coração

– Dor ou pressão no peito;
– Dor ou cansaço na mandíbula e nas costas;
– Tonturas, enjoos e desmaios;
– Dor ou cansaço nos braços e ombros;
– Dificuldade para respirar.

Alimentos que causam problemas no coração

Farinhas Brancas

Dos carboidratos refinados são removidos até 80 % das fibras e nutrientes. Por consequência, quando consumidos, são absorvidos rapidamente pela corrente sanguínea, podendo desencadear diabetes tipo 2, obesidade e pressão alta.
Afaste-se de pães, massas e arroz refinados. Substitua-os por farinhas e grãos integrais.

Açúcar

O açúcar refinado é considerado um dor piores vilões para o coração, pois além de não possuir valor nutricional, provoca diabetes e gordura abdominal.

Uma dica é substituir o açúcar branco pelo açúcar mascavo ou estévia.

Sopas enlatadas

É uma opção com baixas calorias, porém a alta concentração de sódio pode elevar a pressão arterial.

As pessoas com mais de 50 anos e aquelas com pressão alta, diabetes e enfermidades renais, devem limitar o consumo de sódio.

Opte por alternativas preparadas em casa com ingredientes naturais.

Carnes processadas

Embutidos, bacon, carnes secas e enlatadas, tem alta concentração de sódio, edulcorantes e nitratos que são usados para sua conservação.

Escolha cortes de carnes magras, como o peito de frango e peru ou peixes ricos em ácidos graxos omega-3, pois além de ter baixas calorias são ótimos para a saúde cardiovascular.

Carne vermelha

Deixar a carne processada não significa poder abusar das carnes vermelhas, pois têm altas quantidades de gorduras saturadas.

Melhor considerá-las como um prêmio na sua dieta. Se não estiver disposto a deixar a carne por completo, ao menos reduza a quantidade.

Isso trará um enorme benefício ao seu corpo e também ao meio ambiente.

Batatas processadas industrialmente

Opte por batatas naturais assadas com ervas finas.

Alimentos fritos como frango e batata contêm enorme quantidade de gordura.

Evite esses tipos de alimentos a menos que estejam sendo fritos em azeite de oliva.

Margarina

As gorduras trans da margarina, usada em frituras e produtos de forno, elevam o colesterol LDL (ruim) e diminuem o HDL (bom), acumulam placas nas artérias e aumentam o risco de ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais.

Utilize em seu lugar azeite de oliva ou de canola.

Molhos

Os molhos cremosos representam uma ameaça à saúde do coração. Duas colheres de molho contêm aproximadamente 380 mg. de sódio.

Prefira azeite de oliva e suco de limão com ervas finas para dar sabor.

Refrigerantes e bebidas açucaradas

Quando pensamos em enfermidades cardíacas, muita gente associa com colesterol e gorduras, mas também sabemos que o açúcar está relacionado com a obesidade.

Na verdade, consumir uma bebida açucarada por dia, além de todo o peso extra, leva a um risco 20% maior de ter um ataque cardíaco, como se isso não bastasse, beber refrigerante diet aumenta o risco de ataques cardíacos e morte.

O consumo de sodas, sucos, chá gelado e bebidas de frutas com açúcar também está relacionado a hipertensão e aumento de colesterol.

É recomendável evitar o uso de aspartame pois é um inimigo do coração que desperta o apetite por carboidratos simples, o que aumentando ainda mais o risco de obesidade e diabetes do tipo 2.

Substitua por sucos naturais de frutas e chá sem açúcar.

Cafeína

A cafeína presente no café e nas bebidas energéticas, aumenta a produção de cortisol e adrenalina, fazendo com que o sangue flua mais rápido e aumente a pressão arterial.

Duas xícaras de café ao dia é considerado consumo moderado, mas se você sofre de pressão alta é recomendável consultar seu médico para que ele possa lhe dar a melhor orientação.

Álcool

As calorias presentes no álcool não têm nenhum valor nutricional;

além de contribuir com o aumento de peso, o álcool também eleva a pressão arterial.

O consumo do álcool também prejudica o estômago, rins e fígado.

Seu efeito diurético promove uma perda de minerais importantes para a saúde do coração.

Prefira bebidas não alcoólicas e naturais.

Com esta lista não estamos  querendo dizer que você deve deixar de comer estes alimentos para sempre, mas sim, que deve reduzir seu consumo ou evitá-los na medida do possível.

Muito cuidado com lugares que servem comida rápida, pois é provável que estejam cheias de gorduras trans, frituras, sal e açúcar.

Tudo isso representa danos terríveis para o coração.

Lembre-se que a chave para ter ótima saúde é seguir uma alimentação balanceada.

Esperamos que tenha gostado deste artigo sobre os alimentos que causam problemas no coração.

Gostou deste artigo? Ajude-nos a divulgá-lo:
Loading...

Deixe aqui a sua pergunta ou comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *